O que é a mente humana?



Qual o poder da nossa mente? Até onde ela pode nos levar? Esses questionamentos, apesar de simples, tem uma complexidade inimaginável. Nossa imaginação e inteligência foram essenciais para o desenvolvimento da capacidade de adaptação humana. Assim como no Darwinismo, nossa “evolução das espécies”  é resultado de nossa capacidade cognitiva, tal prova da-se por meio do avanço da tecnologia. Mas não somente isto, a questão é muito mais profunda. É sobre a capacidade raciocinar, sobre ter sensações, intuições, a mente humana é repleta de curiosidades. 


Procuramos tanto desmistificar as mazelas do sistema social, mas não procuramos compreender com mais amplitude a psique humana. Nossa capacidade de formular idéias, planejar, nossas  emoções quando as coisas dão errado, alegria, tristeza, medo, espanto, admiração, a inteligência, a memória, o raciocínio, tudo isso dentro de um pequeno espaço no nosso corpo, que apesar de sua localização, é intocável.O mundo começa dentro de nós.  Temos capacidade de tomar decisões, que mesmo de forma impensada, passou por algum lugar de nossa mente.

Mesmo com a  neurociência analisando minuciosamente o cérebro humano, mesmo constatando o consciente e o subconsciente, mesmo Freud com suas teorias, ainda há muito para se descobrir. Como é formado o consciente, o subconsciente e o inconsciente dentro de nós?  Por que só em nós? Somos a única espécie com tanta complexidade? Por que? Por que só temos acesso ao consciente? O que aconteceria se tivéssemos acesso direto ao subconsciente e inconsciente? E o que aconteceria se não tivéssemos acesso a nenhum deles?

Hoje nós podemos, ou melhor, tentamos esmiuçar  a mente humana, graças a tecnologia, tendo como base também as informações cedidas por aqueles que vieram antes de nós, fizeram inúmeras descobertas, estudaram e passaram as informações adiante. Mas se desde sempre foi assim,  se desde os primórdios o homem estuda informações que foram   elaboradas por outros homens, como foi para os construtores de tais informações a experiência de ter idéias? Como foi a sensação de observar, ou melhor como descobriu que podia observar?
Se o primeiro ser humano a pisar na Terra tivesse ficado imóvel, sem nenhuma noção do que fazer, o que teria acontecido? Mas certamente ele fez algo, ele sobreviveu. Mas como sabia o que tinha que fazer, ou como sabia que não sabia?


Pensamentos, idéias, noção, lembranças, como tudo isso é possível? Como a mente humana se desenvolveu com o passar do tempo? Como a mente se desenvolve? Por que somos dotados de tamanha complexidade  e muitas vezes não a usamos?  A mente ainda é uma caixinha de surpresas.

Comentários

licença de direitos autorais

spider.Ad